quinta-feira, 30 de junho de 2011

Davi Henrique

Hoje descobrimos o sexo , aliás esse menino ja ta assanhada dentro da barriga todo arreganhado pra gente ta todo perfeito com 15 cm e 153 gramas felicidade demais *-*

Alegria

Hoje fui no Go do SUS e ouvi o coração do bebe de novo dessa vez foi mais forte o tum,tum,tum =)
Que emoção Deus é maravilhoso felicidade a mil ansiosa pra segunda ;)
16 semanas e 2 dias =)

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Saiba qual a importância do Teste de Coombs durante a gestação!

Meu sangue é A- e do kadu B + ,ficaram duvidas ainda em questão ao risco de uma proxima gravidez , como tomei a vacina logo depois do parto esta tudo tranquilo =)

   O teste de Coombs indireto e direto são exames realizados para avaliar o fator Rh. Se Fator Rh da gestante for negativo faz-se o exame de Teste de Coombs para determinar se algum momento a mãe produz anticorpos contra o feto.
  
   Funciona assim, quando o Rh da mamãe é negativo e o do pai positivo, o bebê pode 'puxar’ tanto a mãe como o pai, pois o fator Rh é transmitido geneticamente. Caso o bebê nasça com o Rh positivo, durante o parto, quando o sangue da mãe entra em contato com o sangue do bebê, o sangue da mãe ‘reconhece’ que aquele sangue não é o mesmo que o seu. É como se ele se 'armasse' contra aquele sangue, ou seja, está sensibilizado com outro tipo de sangue.
  
   Nesse caso, o sistema imunológico materno pode produzir anticorpos contra as hemácias fetais, que transmitidos através da placenta, podem causar a grave patologia denominada doença hemolítica por incompatibilidade Rh, caracterizada pela destruição das hemácias fetais e do recém-nascido, resultando em anemia grave e morte do feto nas próximas gestações.
  
   Até 48 horas após o parto a mãe deverá tomar uma "vacina" que impede esta sensibilização do sistema imunológico materno. Desse modo, previne-se para que na próxima gestação, caso tenha novamente outro filho com fator Rh positivo, o seu sangue não ‘reconheça’ este tipo de sangue. Caso a mãe não tome a vacina o sangue continuará sensibilizado e poderá produzir anticorpos contra o feto provocando o aborto nas futuras gestações. Como é o caso de algumas mulheres que têm abortos consecutivos durante várias tentativas de ter um bebê.
  
  
   Riscos de Sensibilização
  
   O ginecologista obstetra dr. Cássio Rubens Ramalho ressalta que se em algum momento a mamãe foi sensibilizada de outras maneiras, como: acidentes ocorridos antes da gestação, onde a mulher poderá ter necessitado de uma transfusão de sangue e ter recebido o sangue com fator Rh positivo ou em abortos anteriores, onde não foi identificado o tipo de sangue do feto e não foi aplicada a vacina, isto implicará em gravidezes sem sucesso, devido a uma prévia sensibilização.
   
   Por isso as mulheres - com fator Rh negativo – que desejam engravidar e já passaram por algumas destas situações devem fazer o teste de Coombs indireto. Caso o teste de Coombs for positivo, isto indica sensibilização ao fator Rh positivo. Nesse caso, ter filho de parceiro Rh positivo é arriscado. Por outro lado, se o pai da criança for Rh-, não existe perigo nenhum.
  

terça-feira, 28 de junho de 2011

Felicidade demais

"Um bebe chutando o ventre materno acorda subitamente a mãe que ainda não sentiu a vida no seu próprio interior".

Ontem senti uma tremidinhas pela primeira vez sensação boa demais, me emocionei muito foi tudo bem fraquinho mais o suficiente pra mim ter certeza que ele esta bem! *-*

Sua Gravidez: 16ª Semana de gravidez

 

Engraçado como todos que nunca estiveram grávidos pensam que todas  as mudanças, pelas quais você está passando, estão localizadas apenas em seu útero. Ninguém menciona o nariz entupido, a coceira na pele, a dor ciática ou os surtos de emoção. Mas basta lembrar, apesar de todos os horrores que seu corpo enfrenta, que haverá uma grande recompensa para você,  em apenas alguns meses.

Seu corpo

Não, você não tem superpoderes, embora vá se sentir como se tivesse. Agora, você consegue sentir o cheiro da pizza, dos alimentos queimados ou de um sanduíche a quilômetros de distância. Seu aumento da sensação de odor não é o único novo truque que seu nariz fará. Você percebe, provavelmente, congestão nasal, e talvez até mesmo algumas hemorragias nasais.
Embora a congestão nasal relacionada à gestação seja chata, não deve causar nenhum problema e desaparece depois de o bebê nascer. Como dito anteriormente, seu volume sanguíneo está aumentando, e isso afeta os níveis estrogênicos, que por sua vez, incham a mucosa nasal. Esse volume aumentado faz com que o coração bata mais forte e rápidamente  para manter a oxigenação fetal. Mas não é um problema de coração. Se você está enfrentando uma série de hemorragias nasais, pode ser uma indicação de pressão arterial elevada. Então, é aconselhável entrar em contato com seu médico.
É evidente que o seu olfato está no piloto automático, então tente evitar passar por perto de churrascarias e lanchonetes; enfim, evite alimentos de difícil digestão, ricos em gordura, frituras ou pouco nutritivos.
Seus seios podem ainda estar sensíveis, especialmente os mamilos, e eles continuam a crescer, crescer e crescer. Apertando-os um pouco, pode até sair um pouco de colostro (ricos nutrientes e anticorpos), isso, é claro, se conseguir tocar os mamilos sem sentir muita dor.
Seus ligamentos continuam a relaxar, e você talvez sinta uma certa dor no baixo-ventre. Se está planejando fazer amniocentese, ela deve ser marcada entre 16 a 18 semanas, sendo esta a semana mais indicada. Além de fornecer uma carrada de informações aos médicos sobre a saúde do bebê, a amniocentese é mais de 99% preciso ao determinar qual o sexo do bebê. Nesse período da gestação, seu médico pode pedir um teste de alfa-fetoproteína; a medição de tais  valores no sangue de uma  grávida constitui um teste de detecção preventiva, porque um valor elevado indica uma maior probabilidade de espinha bífida, de anencefalia, ou outras anomalias. Por outro lado, valores elevados podem indicar que a duração da gravidez foi mal calculada quando se colheu o sangue, que existe mais do que um feto, que é provável um aborto  ou uma ameaça, ou que o feto morreu. Sei que é triste até pensar nisso, mas temos de previnir.
Conforme o seu bebê cresce e desenvolve-se, ocorre o mesmo com o útero e a placenta. Há seis semanas, seu útero pesava 140 gramas; agora tem 250. A quantidade de líquido amniótico em volta do bebê também aumenta. Há, no momento, em torno de 250ml de líquido. O útero pode ser sentido a 7,6cm abaixo do seu umbigo.

Seu bebê

Sabe aquela câmera digital? Seria mais útil agora se pudesse tirar foto dentro do seu útero, o seu bebê está praticando todos os tipos de expressões faciais, tais como sorriso, bocejo e caretas (já está treinando para quando você tentar alimentá-lo com aquele purê de espinafre).
Confira o que mais está acontecendo:
  • Você está começando a se acostumar com a ideia de ser mãe? Bom, na verdade você pode estar a caminho de ser avó. Se o seu bebê for uma menina, o útero dela está totalmente desenvolvido e os ovários já dispõem de células somáticas primitivas. Espero que isso não a faça sentir-se muito velha;
  • A pele do seu bebê ainda é translúcida e enrugarinha, bem semelhante a um velhinho, mas em breve irá acumular mais gordura abaixo da derme (camada profunda da pele, onde começa a irrigação sanguinea e a terminação nervosa). Se você pudesse ver no seu interior nesse momento, conseguiria ver todas as veias sob a pele do bebê. E falando nisso, o coração do seu bebê bombeia cerca de 24 litros de sangue por dia. Além disso, os olhos dele estão em seu destino final, na frente e não para os lados;
  • As unhas estão bem formadas e pernas estão mais longas que os braços.;
  • Dependendo de sua sensibilidade, já é possível começar a sentir os movimentos do bebê mas, ainda pode ser muito cedo para a maioria das mulheres;
  • A medida de seu bebê esta semana, da cabeça ao bumbum, deve variar entre 108 e 125mm. Ele deve pesar 85g aproximadamente;
  • O cordão umbilical está agora firmemente preso à barriga do seu bebê, assim, fornecendo os nutrientes necessários;
  • Se durante esta semana você fizer o exame de ultra-som a possibilidade de saber o sexo do seu bebê será maior do que nas semanas anteriores, portanto, se você está morrendo de curiosidade para saber se em breve terá em sua casa um Gianecchinni ou uma Gisele Büdchen, vá correndo fazer uma ultra-sonografia! Uma boa dica é comer um chocolate uns trinta minutos antes, assim o seu bebê ficará expertão e querendo se mostrar;
  • Uma outra novidade que sem dúvida deixará você ainda mais feliz é que o seu bebê já está mais receptivo aos estímulos externos. Isso significa que você já pode conversar com o seu bebê e inclusive colocar músicas para ele ouvir. Você deve estar pensando: por que botar música para o bebê ouvir? Isso pode trazer benefícios? Sim. Não só a música pode trazer benefícios, e sim qualquer coisa que faça com que você sinta prazer ou relaxamento. Além disso, um estudo realizado na República da China, indicou que as gestantes que ouvem música pelo menos 30 minutos todos os dias, podem apresentar menos sintomas de estresse e depressão.

Sua vida

A essa altura, você já compreendeu que, após o seu bebê chegar haverá muitos ajustes. As mudanças não serão só relacionadas a você, mamãe. Sua família, os amigos e os filhos mais velhos (se os tiver) também serão afetados.
Caso esteja grávida do segundo filho, ao mesmo tempo de outras amigas, aproveite para trocar experiências com elas e solidarizar-se com os sintomas mais chatinhos - sem dispensar um cafezinho ou um bom suco para espairecer, enquanto seus filhos brincam juntos.Se você está grávida de um temporão, e todas as amigas têm filhos grandes, talvez se sinta meio isolada. Vale a pena frequentar o curso de pré-natal de novo, pois as situações mudam bastante com o passar dos anos.
Tendo outros filhos, fale com o seu marido sobre a forma de prepará-los para uma nova adição à família. Pocure ler livros ou alugar vídeos sobre à chegada de um novo membro, ou ainda sobre rivalidade entre irmãos. Felizmente, existem diversos recursos, algum deles funcionará. Por exemplo, estabeleça uma atividade regular envolvendo as crianças e continue procedendo assim até o novo bebê chegar.
Ao fazer compras para o novo bebê, leve o irmãozinho mais velho, às vezes. E, principalmente, converse muito com ele. Você tem de incentivá-lo a querer um irmãozinho, ou irmãzinha.

O que você está pensando...

"Bom, meu bebê já pode ouvir. Que tipo de música coloco para ele curtir?"

Faz bem comer...

Abacate: Considerada uma rica fonte de fosfaato, vitamina A e potássio, tem mais proteína que qualquer outra fruta: cerca de 2g para cada porção de 110g. Possui, ainda, ferro, magnésio e vitaminas C, E, B6. Seu único inconveniente é o alto teor calórico - 110g contêm cerca de 200 calorias. Também é bom saber que traz efeitos benéficos ao couro cabeludo e à pele. É suavemente laxativo.
Abacaxi: É rico em diversos nutrientes. Trata-se de um ótimo alimento para o verão, pois é composto por 86% de água, ajudando na hidratação do organismo, essencial nessa época do ano. Além disso, possui vitamina A, boa à pele e aos olhos; e ainda vitamina C, favorecendo boa dentição e facilitando  a circulação sanguínea.
O que evitar comer:
  • Frituras; nunca ultrapasse uma vez por semana;
  • Gordura hidrogenada, a chamada gordura TRANS, a mais prejudicial à saúde do seu coração. Ela está contida na maioria dos produtos industrializados, como bolo, biscoito, margarina e doce comercializado;
  • Açúcar branco; quando tiver vontade de comer doce, prefira frutas ou gelatina diet.

É bom saber...

Colostro é uma forma de leite, de baixo volume, secretado nos primeiros dias de amamentação pós-parto. No entanto, tem maior valor nutritivo que o próprio leite e transmite ao bebê anticorpos maternos, protegendo-o contra algumas doenças. É composto de vários fatores para o desenvolvimento e à proteção - como água, leucócitos, proteínas, carboidratos e outros . O colostro vai se transformando, gradativamente, em leite maduro nos primeiros 15  dias pós-parto.
É importante ainda ressaltar que ele não passa para o recém-nato todos os nutrientes necessários para seu desenvolvimento. Contudo, ele é muito importante, visto que é por meio dele que o bebê recebe imunidade contra certas doenças e parasitas que podem vir a atacá-lo nos seus primeiros dias de vida, como a tuberculose e sarampo, dentre outras. Talvez faça-se necessário um suplemento nutricional, durante esse período, porém, a prescrição fica a critério do pediatra.

Cuidado com os seios!

Com os seios sensíveis e doloridos, às vezes até com amortecimento da aréola e com veias proeminentes, o uso de sutiãs confortáveis e firmes é indicados.
Não é necessário preparar os mamilos para a amamentação, como se imagina. Quando o bebê nascer, você receberá orientações de como amamentá-lo. Preocupe-se em obter informações sobre o posicionamento e a importância de se amamentar. A dor causada no ato da amamentação, que algumas mães comentam, está, na maioria das vezes, relacionada a maneira errada como a boca do bebê posiciona-se no seio da mãe.

Futuro papai

Retornando a um assunto... O pai é o mais indicado a lidar com a tarefa de providenciar seguros e de pensar sobre imprevistos. Você tem seguro de vida ou fez seu testamento? Isso pode soar mórbido, mas é um momento perfeito para conseguir ambos. Se algum imprevisto acontecer a um dos pais - que Deus os guarde! -, o outro não terá de se preocupar com o pagamento de túmulo, escola, etc.

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Crescer ( musica linda)

Vejo que você está crescendo
Bem quentinho aqui dentro
Papai me abraça inteira
Pra sentir você também
Um beijo, e a certeza
Que você está bem
Eu arrumo todo o noso lar
Me arrumo só pra te esperar
Te sinto noite e dia
Dentro desse barrigão
O peso da alegria
Perto do coração....

quarta-feira, 22 de junho de 2011

Moisés

Igual ao q eu tenho ,porém o meu não tem esse forro por dentro ;)

Enxoval para bebe que vai nascer no verão *-*

Cama:
• 02- Kits berço
• 04 - Jogos de lençol p/berço
• 02 – Colcha
• 02- cobertores antialérgicos
• 02-lençóis de elástico avulso
• 02-vira manta
• 01 cobertor de berço
• 02-manta (algodão e Lá)
• 02 - protetor de colchão
• 02 - saia de berço
• 02-cobertores de enrola
• 06-forros p/gavetas
• 01-edredom
Quarto:
• 02-trocador portátil
• 01-cortinado
• 01-cortina
• 12-cabides infantis
• 01-cesto de roupas
• 01-móbile
Banho:
• 01-Banheira
• 01-suporte p/banheira
• 02-Toalhas com capuzes
• 03-Toalhas de fralda
• 01-conjunto. Pente e escova
• 01-Kit manicure (especial p/bebe)
• 01-Aspirador nasal
Roupinhas de bebê:
• 06-Body sem manga/manga curta
• 03 - body manga longa
• 06- Macacões manga curta
• 03 - Macacões manga comprida (sem pé)
• 08-Camisetas
• 08-Short
• 03-Calças sem pé
• 04-Cueiros
• 03-Casaquinhos em linha
• 06-Meias
• 04-Sapatinhos
• 06- Babadores
• 06-Fraldas de pano
• 02-manta p/Saída
• 04-luvas
• 06-fraudas ou toalha de boca
• 03-macacões curto
• 03-conjunto pagãos
• 08-calcinhas
• 06-vestidos
• 04 toquinhas
Passeio:
• 01-Sacola grande
• 03-jogos de lençóis p/carinho
• 01-manta para carinho
• 01-colchonete p/carinho
Alimentação:
• 02-kits mamadeira (p.m, g)
• 02-chuquinhas
• 04 bicos de mamadeiras (convencional, ortodôntico, 300 ml)
• 01-porta mamadeiras (térmico)
• 01-escova de mamadeiras
• 01-pinça higiênica
• 01-porta chupeta
• 01 conjunto de panela
• 01-peneira
• 01-funil coador
• 01 conta gotas
Higiene e farmácia:
• 01-termômetro digital
• 02-fitas crepes
• Gases para curativo
• 01-vaporizador
• 01-aspirado nasal
• 01-pomada p/assadura
• 08 - faixas p/umbigo
• 01-xampu p/ bebe
• 01 colônia
• 01-óleo de camomila
• 01-talco
• 01-lavanda
• 02-potes de lenço umedecidos
• 02-sabonete liquido
• 03-sabonete neutro
• Algodão
• Contonete
• 02- chupeta RN
Acessórios e Cia:
• 01-bacia
• 01-balde
• 01-organizador infantil
• 01- mala do bebe
• 01- sacola grande
• 01-sacola pequena
• 01-porta-chupeta
• 02 prendedores p/chupeta
• 01-álbum de fotos p/ o bebe
Mamãe:
• 04-caixa de absorvente p/ os seios
• 02-Soutiens p/ amamentação
• 02-cinta pós-parto
• 10-calcinha p/gestante
• 04-camisola (se vai amamentar prefira as que abotoam na frente)
• Creme p/ o bico do seio

Carta pro Papai *-*






“Se prepara... To chegando!”
Em pouco tempo serei o mais novo integrante da família.
No inicio, precisarei muito de você e da mamãe, pois para mim tudo será novo e estranho... Por enquanto estarei no cantinho da barriga da mamãe observando e sentindo tudo, mas não vejo a hora de estar aí com vocês.
Viu o presente que Deus está te dando?
Até que a mamãe tem bom gosto... De ter escolhido você como marido e como Papai... De vez em quando ela acerta(rsrsrsrs).
A mamãe sem me conhecer já sentia a minha falta, e queria ansiosamente engravidar de mim... Pois é, mas agora Deus me enviou, e me deu muitas recomendações para estar com vocês.
Papai, cuidando da mamãe, você também estará cuidando de mim...
Ah cuida bem das frescuras da mamãe, pois de agora em diante você já sabe né? Mas tudo isto faz parte.
Tenho até pena de você papaizinho....
Mas logo, logo estarei aí pra te ajudar.
Espero que você fique muito feliz com a minha chegada.
Prometo-te, Papai que faremos muitas coisas boas juntos.
Quero aprender muito com o grande homem que é você!
Pai, desde que fui semeada aqui, minha vida não tem sido nada ruim. No começo eu fui tomando forma, depois fui crescendo, crescendo, e agora já pareço uma cópia (meio achatadinha) de você.
Pai, como tem água aqui! Antes de sair, quero lhe dizer que não estou com medo. Quero avisá-lo que na hora em que eu sair, vou abrir um berreiro daqueles, ta! Afinal, já sei que vou dar de cara com muita gente estranha em volta de mim. Mas logo vou me acalmar, porque vou reconhecer a sua voz e a da mamãe. Depois você vai me aconchegar no seu colinho, todo orgulhoso, e vou me sentir segura de novo.
No começo vou dar um pouquinho de trabalho. Até eu me habituar, muitas vezes vou acordá-lo com meu chorinho por causa de fome, dorzinhas de barriga, de ouvido, resfriadinhos e aquelas coisas próprias de gente muito pequena.
Ah! E não fique com ciúme da mamãe, viu? Por algum tempo ela deixará você meio em segundo plano, pois estará por demais ocupada com a grande novidade chamada EU. Isso não quer dizer que o amor dela por você terá diminuído. Vocês poderão namorar quando eu conseguir dormir por mais tempo.
Mais adiante irei para a escola, e vou cantar para você em todas as festinhas de Dia dos Pais. Nos finais de semana brincaremos e viajaremos juntos e, finalmente, um dia estarei crescida, talvez do seu tamanho.
Lembrarei com saudade dos maravilhosos momentos que teremos passado juntos na minha infância e, em todos os meus aniversários, lhe darei mais um daqueles emocionados abraços, dizendo: Segura mais esse, pai! Filho criado é trabalho dobrado!
Até mais Papai. To quase chegando!
Amo-te muito
Seu Bebê...

Ser Mãe *-*

Ser mãe não é apenas carregar no ventre, por alguns meses, um óvulo fecundado!
Ser mãe não é somente passar pela dor cruciante de trazer um filho ao mundo!
Ser mãe não é simplesmente dar o alimento, vestir e cuidar do físico e dos estudos!
Ser mãe não é embonecar uma criança, fazendo dela um enfeite, um “bibelô”!
Ser mãe é muito mais do que isso!
Ser mãe é dividir o que se tem, sempre priorizando os filhos;
Ser mãe é cuidar, amar, amar e amar!
Ser mãe é depender da graça de Deus dia após dia, hora após hora, minuto após minuto;
Ser mãe é estar na dependência total do Deus Maravilhoso que não falta nunca, que sempre nos protege e nos ampara;
Ser mãe é se sentir abençoada por ter recebido do Senhor o privilégio de tomar conta de um pequeno ser;
Ser mãe é ver o seu amor imperfeito comparado ao perfeito amor do grande Deus.
Ser mãe é envelhecer sorrindo;
Mesmo na solidão do ninho que ficou vazio;
Porque sabe que cumpriu a sua parte;
E o que faltou, o Pai celeste completará;
Pois dEle vem a promessa: “Não temas, pois Eu estou contigo em todo momento”.
Ser mãe é ser feliz somente por ser mãe!

Direito das gestantes


Promulgados pela Organização Mundial de Saúde, os Direitos da Gestante são a garantia de um parto tranqüilo. E para assegurar que todas as futuras mamães possam conhecer seus direitos, o HOSPITALGERAL.com traz os dez itens completos.

    01 - Receber informações sobre gravidez e escolher o parto que desejar;
    02 - Conhecer os procedimentos rotineiros do parto;
    03 - Não se submeter à tricotomia e ao enema, se não desejar;
    04 - Recusar a indução do parto, feita apenas por conveniência do médico;
    05 - Não se submeter à ruptura artificial da bolsa amniótica;
    06 - Escolher a posição que mais lhe convier durante o trabalho de parto;
    07 - Não se submeter a episiotomia;
    08 - Não se submeter a uma cesárea, a menos que haja riscos para a própria gestante ou o bebê;
    09 - Começar a amamentar seu bebê sadio logo após o parto;
    10 - Ficar junto com seu bebê recém-nascido sadio.

Gravidez!


A gravidez provoca mudanças físicas, químicas e emocionais singulares na mulher. Compreender como e por que ocorrem e que sintomas são normais ou não ajudará a diminuir a ansiedade. Gravidez não é somente observar as mamas incharem, a barriga crescer, a atividade fetal se fazer presente nos chutes da madrugada ou no desejo por combinações do tipo jaca com calda de chocolate. Gravidez também não é só preocupar-se com as estrias e celulites que podem aparecer, com o aumento de peso que gradativa e conseqüentemente transforma um manequim 40 em 44, com os enjôos que parecem não ter fim ou com a falta de posição confortável para sentar ou dormir. Gravidez é sonhar todas as noites com aquela roupinha maravilhosa que você viu no shopping, é colocar um CD e dançar com a barriga para acalmar o bebê, é pegar-se no meio da noite batendo um papo íntimo com alguém que você ainda não viu de verdade, mas já conhece melhor que ninguém; é saber que o maior amor do mundo está crescendo dentro de você e que, a qualquer momento, vai estar do lado de fora, olhando nos seus olhos, balbuciando... mamãe!

terça-feira, 21 de junho de 2011

Essa musica é linda demais !

Bebe com 15 semanas

Roupas para os recém nascidos *-*

As roupas para bebê precisam oferecer conforto para a criança, possuindo uma estrutura agradável para não gerar uma sensação de mal-estar ou irritação. A escolha das peças vai depender da estação, quando a temperatura estiver elevada, opte por roupas leves e feitas de algodão para facilitar a transpiração. Caso predomine o inverno, a dica é vestir o bebê com agasalhos resistentes ao frio.
A seleção de roupas para o recém-nascido começa antes mesmo do seu nascimento, a futura mamãe visita as lojas especializadas em artigos para bebê para conferir os modelos disponíveis à venda. Em seus primeiros meses de vida a criança precisa de conforto, por isso não se preocupe tanto com as tendências da moda infantil.
O enxoval do bebê costuma ser formado pelos presentes de amigos e familiares, além dos artigos que a própria mamãe comprou. Com isso a criança vem ao mundo dispondo de um vestuário variado. Devido ao crescimento do bebê, as roupas deixam de ser usadas com facilidade, por isso as peças tamanho RN devem ser doadas para outros recém-nascidos.


Obs: esse texto assim como os outros foram tirado da net =) 

Sua Gravidez: 15ª Semana de gravidez

O choque inicial de estar grávida talvez esteja começado a ir embora; você sente-se confortável. Então, e agora? Bem-vinda ao jogo da espera! Você tem sorte, pois sempre tem uma atividade que pode fazer ou planejar. Mas por que não esperar um pouco e desfrutar da paz e do sossego? Você sentirá falta disso! :-)

Seu corpo

Ter a energia retornando não significa que você pode abusar ou ficar acordada até altas horas. Com um bebê crescendo, o sono é algo imprescindível. Embora já tenha passado quase cinco meses de gestação, talvez você ainda não tenha se acostumado com a barriga e esteja encontrando alguma dificuldade para dormir. O que você deve fazer nesses casos, é procurar uma posição que seja confortável para você. Experimente alguns dos seguintes truques para dormir melhor.
  1. Se a sua barriga está lhe atrapalhando para ter uma boa noite de sono, rodeie-se de travesseiros e faça um ninho extraconfortável. Às vezes, a temperatura do ambiente afeta o sono, portanto, certifique-se de que o seu ar condicionado está ligado se estiver com muito calor;
  2. Algumas posições de dormir  são mais confortáveis para mulheres grávidas. Se você tem o costume de dormir de lado, procure  deitar-se no seu lado esquerdo. Essa posição é melhor para a circulação sanguínea, o feto recebe melhor os nutrientes e também você facilita os rins a eliminar os restos. Acostumar-se com essa posição já no começo da gestação ajudará a dormir melhor quando sua barriga estiver enorme.
Nessa fase, outro sintoma que talvez esteja lhe importunando é a salivação excessiva, o que é absolutamente normal na atual circunstância. Embora a salivação excessiva seja inconveniente, não é algo com o que você deva se preocupar.

Seu bebê

Embora muitas mulheres não sintam o bebê deslocar até a 17ª semana (ou posterior), o seu pode estar fazendo sua própria festa na Bolsa amniótica (que ele chama de casa). Se você se sentir sua barriga um pouco alvoroçada, pode ser que não seja fome ou gases, talvez seja seu bebê pulando e dando soquinhos na sua barriga.
Veja o que mais deve está acontecendo esta semana:
  • A cabeça do bebê já está bem segura sobre um pescoço bem formado. As sobrancelhas e cílios começarão a crescer. O cabelo também e com um estilo bem criativo;
  • A pele ainda é muito fina. As veias podem ser vistas através dela. Uma fina camada de pêlos, chamada de lanugo, cobre o corpo do bebê. Geralmente desaparece ou diminui consideravelmente antes do nascimento;
  • Apesar dos olhos do bebê estarem fechados e selados, eles já são sensíveis à luz. Os olhos e ouvidos dele, finalmente, estão com suas características reais agora.  Os olhos continuam a se mover para o centro da face mas ainda estão bem longe um do outro. Enquanto seu bebê estiver praticando sucção e deglutição ele poderá também soluçar. Ele soluça quando engole um pouco de líquido amniótico. Soluçar um pouco, além de ser normal, faz bem para o bebê, não se preocupe! Você saberá quando ele está soluçando, pois sentirá um pulinhos na barriga;
  • Os ossos do seu bebê estão retendo bastante cálcio, devido a isso estão começando a ficar cada vez mais duros;
  • Outra novidade desta semana é que o seu bebê irá começar a exercitar os seus músculos, e talvez você comece a sentir o seu bebê fazer os seus primeiros movimentos na sua barriga. A princípio você achará um pouco estranho, mas logo logo você vai se acostumando.
  • Durante o próximo mês, seu bebé irá crescer mais rapidamente, por isso, certifique-se de ingerir alimentos nutritivos e fluidos (água, sucos,...) suficiente para apoiar o seu crescimento. A medida de seu bebê esta semana, da cabeça ao bumbum, deve variar de  93 a 103mm. O peso dele é algo em torno de 55 gramas.

Sua vida

Junto a gravidez aparece um dizer na sua testa: "besta". Ao menos é dessa forma que o mundo do marketing a vê. Caminhe por uma loja de bebês, e você será bombardeada com mais de 8.000 artigos que "deve" comprar para o bebê. Não se deixe atrair pela propaganda bem-elaborada! Seu bebê necessita apenas de um número bem limitado de produtos ao longo do primeiro ano. Não gaste com o que for surpéfluo, o dinheir pode fazer falta quando o bebê nascer. Além do mais, o que ele mais necessitará é de graça: amor, carinho, atenção, cuidados e LEITE MATERNO. Falando nisso, peça ao Pai Celestial para ter bastante leite.
Ninguém melhor para dar conselhos a você do que uma mulher que já teve filhos, além do seu médico. Possivelmente suas amigas, colegas e familiares dar-lhe-ão dicas como, por exemplo, o que vestiram e o que ficou no armário até voltarem ao tamanho normal. Se elas fizerem isso, não fique envergonhada e pergunte. Com sorte, elas podem lhe emprestar, dar, ou até mesmo vender mais barato, suas "coisas de grávida".
Caso você não seja fixada em coisas de marca, tampouco faça questão de só ter  produtos novos, poderá economizar um bom dinheiro na hora de formar o enxoval do bebê. Procure por anúncios nos classificados de jornal, ou no Mercado Livre. Você ficará surpresa quanto à forma rápida e barata como as pessoas querem se livrar de seus artigos de bebê (carrinho, berço, banheira, cadeirinha para o carro,...).
Antes de se dirigir às lojas, pegue uma amiga-mãe confiável para ajudar a mantê-la organizada e um pouco mais imune à compra de artigos desnecessários ou muito caros. Todas as compras feitas não tem de ser de produtos para o bebê. É importante que se  sinta bem, então cuide-se! Da próxima vez que for a uma loja, compre algo para você, pode ser um batom novo ou qualquer artigo que a faça sentir-se bem!

O que você está pensando...

"Por que eu sinto como se tudo isso estivesse acontecendo tão rápido e tão lentamente ao mesmo tempo?!"

Faz bem comer...

Nesta semana seu bebê vai precisar de uma dose extra de cálcio! Procure não deixar de comer proteínas, vitaminas, ferro,... Veja alguns alimentos ricos em cálcio: leite; iogurte; peixe; espinafre; amêndoa; gergelim; sardinha; flor crua de brócolis; aveia; couve-manteiga; avelã; castanha-do-pará; agrião.
A absorção de cálcio pode ser prejudicada por alguns fatores, como a presença de ferro, um mineral presente em carnes e ovos principalmente. Por isso, procure não consumir alimentos ricos em ferro junto aos abundantes em cálcio.
Dicas nutricionais para melhor aproveitamento dos nutrientes dos alimentos:
  • Cozinhe os alimentos com casca e só depois os descasque;
  • Não cozinhe demais os legumes. Isso evita a perda de vitaminas e minerais;
  • O ideal é comer verduras cruas;
  • Coma frutas como maçã e pera com casca;
  • Consuma frutas logo depois de cortadas;
  • Prefira cozinhar com óleo ao invés de banha;
  • Quando for ao mercado, veja o prazo de validade dos produtos;
  • Guarde frutas e legumes em lugar fresco, à sombra ou nas gavetas de baixo da geladeira. Elas devem ser consumidas dentro de uma semana;
  • Coloque os vegetais para cozinhar em panelas tampadas e com o mínimo de água fervida possível;
  • Dê preferência ás panelas de ferro, de porcelana, de vidro ou de barro para o cozimento. As de alumínio ou as antiaderentes, com o uso, liberam substâncias tóxicas que ficam impregnadas nas frutas e nos legumes;
  • Reutilize a água do preparo dos alimentos para fazer arroz, feijão, sopas e molhos, pois ela é rica em nutrientes e em sais minerais.

É bom saber...

Como usar o cinto de segurança corretamente:
Um detalhe que você deve prestar atenção, enquanto estiver dirigindo, é a forma correta de colocar o cinto de segurança.
Cinto de Segurança
O modo correto de usar o cinto de segurança e evitar que ele se torne uma arma em caso de acidente, é colocar a faixa diagonal do cinto passando pelo tórax e a faixa inferior posicionada embaixo da barriga, assim como na imagem acima.

Futuro papai

Seja carinhoso com a futura mamãe. Pesquisas revelam que, quanto mais carinho a mãe recebe, mais carinho ela transmite ao bebê e a você também. Lembre-se que carinho não é sinônimo de sexo. Apesar de o sexo não fazer mal à gestante nem ao seu bebê, pois este está protegido e o pênis não o alcança. Saiba que o sexo vai depender do estado emocional de sua esposa,  com o turbilhão de hormônios que a gravidez provoca a libido fica alterada. Por isso, seja compreensivo. Algumas mulheres sentem mais vontade de fazer amor enquanto outras não. A relação sexual só é contraindicada em alguns casos de histórico de aborto e quando há perda de líquido amniótico ou de sangue.

Niver da barriguinha

Hoje completamos 15 semanas , ai que ansiedade meu bebe pra te ver , te ter ao meu lado poder te abraçar, te beijar, te amar dar todo meu carinho , conto os minutos pra esse dia que parece uma eternidade.. Mamãe é ansiosa e impaciente demais kkk..
Como de costume ai vai mais uma materia sobre semanas de gravidez no caso 15 semanas!! *-*

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Desejos de gravida

Hoje minha mãe esteve aqui e fez meu BOLINHO DE BATATA , tava morrendo de vontade de comer
fiz canjica ontem um panelão e to comendo tanto pq só eu que gosto esse bebe ta me deixando gulosa
Ganhamos hoje seus primeiros presentinhos da tia Marcia e minha mãe ...
 1 pagão verdinho com desenhos , 1 amarelo com desenhos e 1 macacão amarelinho lindo com um coelinho *-*

sábado, 18 de junho de 2011

Meu bebe

Como te amo , me sinto completa com vc dentro de mim espero ansiosa o dia em que saberemos
se virá a Isabella ou o Davi, e mais ainda pro dia de seu nascimento estou me preparando muito
pra esse momento que sera unico e maravilhoso . a cada ultra q faço e te vejo mexendo,escuto seu coração
não contenho em lagrimas é uma alegria tremenda insdiscritivel , nada se compara a esse amor que sinto por ti!

Seu irmãozinho Miguel la no céu esta olhando e protejendo a nós , ele esta feliz pela sua chegada tenho certeza disso, amo tanto vcs e sei que quando for a hora vc estara aqui conosco e Miguel abençoara ainda mais vc sera seu anjinho da guarda!!!


Te amo meu bebe *-*

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Gravidez Semana a Semana 13 a 16 semanas

Semana 13

Reprodução

No início do quarto mês o bebê começa a brincar - dá pontapés e se espreguiça. Você só não sente porque a placenta está completa para sustentá-lo.”

O bebê

No início do quarto mês o bebê começa a brincar - dá pontapés e se espreguiça no líquido aminiótico. A mãe não sente porque a placenta está completa para sustentá-lo. Ele começa a sugar e a engolir, movimentos essenciais para a sobrevivência.

A mãe

Durante todo o período da gestação, evite grandes esforços físicos. Se sua atividade profissional exige que você carregue peso, converse com seu empregador para mudar de atividade ou colocar alguém para ajudá-la.
Outra lembrança importante é sobre a nutrição: a dieta diária deve ser bem balanceada, com proporção de frutas, legumes, verduras e proteínas. Seu metabolismo aumentou somente 20%, o que não justifica o ganho em quantidade, mas sim em qualidade.

O pai

Sua mulher está "gostosona": peito grande, com curvas, de bom humor, feliz e ainda sem a barriga saliente. Volte a namorar...
Já escolheram o nome? Se for menina vai ser... Mas, se for menino, vai chamar...
Momento ideal para boas risadas e muito carinho!

Semana 14

Reprodução

Comece a preocupar-se com a musculatura. Escolha uma atividade física adequada, que não exija muito esforço físico. ”

O bebê

O paladar e o tato do bebê estão se desenvolvendo. Os movimentos têm a finalidade de testar os reflexos e treinar a coordenação motora do feto. Daqui para frente, ele faz exercícios respiratórios.

A mãe

Você afasta o medo de perder o bebê. Começa o melhor período da gestação. Livre de incômodos gástricos e mal-estares, você pode começar a pensar na decoração do quartinho do bebê e no enxoval. Nessa fase seu cabelo fica mais bonito, menos gorduroso e com brilho. A barriguinha começa a aparecer, mas vêm o formigamento nas mãos e nos pés e as câimbras.
O médico vai recomendar o uso de sutiãs adequados e meias elásticas de média compressão. Comece a ter cuidados com a musculatura: relaxamento à noite é muito recomendado, assim como prática de ioga e meditação.
Nessa fase, os esportes podem ser praticados, desde que não exijam muito esforço físico. Procure um curso de ginástica para gestantes ou faça hidroginástica.

O pai

O reatamento das relações sexuais vai trazer prazer, mas também alguma angústia, pelo temor de machucar sua mulher. Conversem e escolham posições que sejam prazerosas e confortáveis para ela. Não dá para fazer sexo com a mesma intensidade que na adolescência ou da lua de mel. O negócio é ser feliz...
O casal que optou pela abstinência deve estar muito certo dessa decisão para não causar insegurança pelo distanciamento físico, que pode virar uma rejeição mútua.

Semanas 15 e 16

Reprodução

A barriga se torna proeminente e você deverá preferir as roupas folgadas e sapatos baixos. Use uma almofada para elevar os pés, evitando o inchaço.”

O bebê

O bebê vê, escuta, cresce e ganha peso rapidamente. Já passou dos 10 cm e tem 50 g.

A mãe

A barriga se torna bem proeminente e você deverá usar roupas folgadas, sapatos baixos e abusar do conforto. No trabalho, use uma almofada para elevar os pés, evitando o inchaço.
Nessa fase seria interessante trocar o ácido fólico pela vitamina específica para gestante.
Você pode se permitir sessões de musicoterapia: experimente sons que promovam tranquilidade e calma, como new age.

O pai

Homem nenhum passa imune ao processo de gestação e do nascimento de um filho. Quando a barriga começa a crescer, o futuro papai se conscientiza que deve assumir a paternidade de modo mais responsável, valorizando a importância da sua participação na vinda e na vida do bebê. Faça massagem na barriga com óleo ou hidratante e mande energia de amor e aconchego para os dois - mamãe e bebê.

Cuidados para estas semanas

Pode

  • Usar sutiã estruturado e meias de média compressão para evitar ficar inchada e dolorida
  • Ficar horas no shopping vendo lojas
  • Tomar banho de mar
  • Usar roupas confortáveis

Não pode

  • Comer chocolate em excesso, para não potencializar as dores de cabeça normais na gestação

Dicas úteis

  • Dance, leia poesia, assista a filmes românticos ou engraçados. Distraia-se e tenha momentos de pura descontração

Gravidez Semana a Semana 9 a 12 semanas

Semana 9

Reprodução

O bebê já está com 4 cm e pesa pouco mais de 1 g, o equivalente a uma uva itália. Você já pode fazer seu primeiro ultrassom e vai ouvir pela primeira vez o coração do seu filho”

O bebê

O bebê já está com 4 cm e pesa pouco mais de 1 g, como se fosse uma uva itália. É nessa semana que começa a formação do esqueleto. Ele já consegue fazer movimentos simples, como mexer o braço e a perna.

A mãe

Viva! Você já pode fazer seu primeiro ultrassom, ver os membros em movimento e ouvir o coração do bebê. Para o médico esse exame é importante porque acerta a idade gestacional (caso tenha dúvida da data da última menstruação) e define se a gravidez é tópica (dentro do útero) e única (um feto).
Puxa, que emoção!!! Você pode gravar e acompanhar todo o desenvolvimento do bebê. Com certeza será um momento muito feliz!
Nesse período você pode sentir muito sono, estar mais distraída, por isso tenha cuidado ao volante em trajetos longos!
É normal sentir sono, ficar irritada, ter enjoos...

O pai

Você deverá munir-se de paciência porque sua mulher estará um pouco irritada nessa fase.
Se der, acompanhe o primeiro ultrassom. Compartilhe esse momento, esteja ao lado dela e veja seu filhote pela primeira vez...
Ah, pode levar a camisa do seu time!
O futuro papai só pensa naquilo: será que pode ter relações sexuais nesse período? Não machuca o bebê?
Pode ter relações sim e não vai machucar o bebê. Escolham posições confortáveis e prazerosas.

Semana 10

Reprodução

Se você manteve hábitos alimentares saudáveis, deve ter engordado 400 g.
Que tal consultar uma nutricionista?”

O bebê

O bebê tem uma intensa movimentação na placenta. As costelas começam a se formar, assim como ossos dos dedos das mãos e dos pés.

A mãe

Se você manteve seus hábitos alimentares, deve ter engordado 400 gramas. Isso mesmo, só 400 gramas, pois habitualmente você não engordaria dois quilos por mês!
Sua gravidez ainda não é aparente e você não sente o bebê mexer. Se você procurou uma nutricionista para seguir uma dieta balanceada, muito bom! Não faça dietas da moda, nem siga dicas de amigas, sogra, mãe e comadres. Muitas gestantes cortam o carboidrato para não engordar, mas tanto o carboidrato como a gordura são importantes para a formação do feto e para a mãe durante toda a gestação.

O pai

Como sua mulher precisa seguir uma dieta balanceada, você deve dar uma força. Pergunte à nutricionista quais pratos vocês podem preparar para o jantar e siga a mesma dieta. Fica mais fácil para ela!
O interesse sexual da sua mulher está voltando, pode intensificar as carícias.

Semana 11

Reprodução

Esse é um período difícil do ponto de vista emocional. Não tenha receio de fazer muitas perguntas para seu médico. Ele vai saber lidar com suas angústias”

O bebê

A partir de agora o bebê está totalmente formado e crescerá até o nascimento. É nessa semana que ele coloca, pela primeira vez, a mãozinha no rosto.

A mãe

Nessa semana seu médico vai pedir um ultrassom para medição da translucência nucal. Este é um exame importante que serve para afastar, em 85%, os casos de cromossomopatias, ou seja, ele detecta má formação e anomalias causadas por alterações, tanto nas estruturas, quanto no número de cromossomos, como a Síndrome de Down. O exame pode ser feito até o final da 13º semana. Procure caminhar e ocupar-se com atividades prazeirosas, porque nesse período você pode sentir-se mais amedrontada e preocupada com seu bebê.

O pai

Esse período é difícil e você deve procurar tirar todas as dúvidas com a obstetra, afinal ela vai tentar minimizar suas angústias.
Informe-se ao máximo sobre os próximos meses da gestação e sobre a melhor forma de ajudar sua mulher e tornar a gestação emocionalmente fácil para ela!
O interesse sexual da sua mulher está voltando, pode intensificar as carícias.

Semana 12

Reprodução

Sua barriga começa a aparecer, seu peito está grande e você ainda não se sente pesada. Está linda!”

O bebê

O bebê tem 9 cm e pesa entre 14 g e 30 g. Ele já está totalmente formado e a salvo dos riscos de anomalias físicas.

A mãe

Sua barriga começa a aparecer, seu peito está grande e você ainda não se sente pesada. Está linda!
Fisiologicamente, os desconfortos dos sintomas começam a diminuir e - em grande parte das mulheres - desaparecem. Psicologicamente, você está mais disposta a participar de eventos sociais. Evite ambientes com muito fumo, como boates. Cuidado também com o uso de saltos altos e roupas apertadíssimas, que limitem sua respiração e incomodem seus movimentos.

O pai

O modo como o homem vivencia a gravidez é diferente da mulher. Mesmo as emoções vêm na intensidade da forma masculina de viver. Procure entender que é por isso que as gestantes não compreendem - e até se ressentem - quando seus parceiros não se manifestam com a intensidade esperada. E esses ruídos na comunicação ocorrem e são comuns, mesmo quando a gravidez foi planejada e desejada por ambos. Na prática, vale o conselho: ainda que você nem sempre entenda porquê, a gravidez é um tempo feito de intensidades emocionais muitas vezes exageradas. Acolher o entusiasmo ou a aflição da sua mulher, é o melhor jeito de acalmá-la e de fazê-la sentir que você está compartilhando essas mudanças com ela.

Cuidados para estas semanas

Pode

  • Usar hidratantes e filtro solar diariamente
  • Comer chocolate moderamente
  • Ouvir música para criar interatividade com o bebê
  • Usar saltos
  • Fazer massagem relaxante

Não pode

  • Beber alcoólicos
  • Passar por estresse

Dicas úteis

  • Grave uma seleção de músicas legais, suaves, que te emocionem e que passem todo carinho desse período ao bebê. Começa aqui um relacionamento harmônico

Gravidez Semana a Semana 5 a 8 semanas


Fique informada semana a semana sobre sua gravidez. Nós preparamos para você, mãe, uma série de dicas e curiosidades para ajudá-la nesse período de tantas dúvidas. Veja fotos, vídeos e não seja uma mãe de primeira viagem.

Semana 5

Reprodução

O bebê já tem de 5 a 6 mm, é do tamanho de um grão de arroz e os órgãos começam a se formar.”

O bebê

Já se pode falar em um ser humano, apesar dele ainda estar no período embrionário. O bebê tem de 5 a 6 mm, o que corresponde a um grão de arroz. Os órgãos começam a se formar.

A mãe

Você pode sentir enjoo, sobretudo pela manhã, ou um aumento de salivação. Talvez sinta dor nas mamas. Seu cérebro está comandando uma operação gigantesca, hormônios bombardeiam sua corrente sanguínea, dentro de você a vida está acontecendo. Que tal sair e comprar o primeiro sapatinho?
Ah, e acostume-se a passar hidratante todos os dias, para prevenir o aparecimento de estrias.

O pai

É gentil você ajudar nas compras de supermercado para que sua mulher não carregue peso.
O futuro papai só pensa naquilo: será que pode ter relações sexuais nesse período? Não machuca o bebê?
Pode ter relações, sim, e não vai machucar o bebê. Escolham posições confortáveis e prazerosas.

Semana 6

Reprodução

Você deve está louca para ver o bebê, quer fazer um ultrassom, mas não é a hora.
Papai, seja paciente com os mal-estares e a oscilação de humor.”

O bebê

O coração do bebê está em desenvolvimento e formam-se as quatro cavidades.. O bebê já mede entre 8 e 11 mm.

A mãe

Seu corpo começa a mudar: seios fartos (às vezes bem doloridos), a cintura um pouco mais grossa. Nessa fase, é comum você sentir-se menos estimulada para o sexo, a libido fica mesmo mais baixa. Além disso, sua atenção está toda voltada para a gestação, sobretudo se você anda sentindo enjoos.
Tenha cuidado com a dentição. Converse com seu dentista e marque um acompanhamento. Além disso, você deve está louca para ver o bebê, quer fazer um ultrassom, mas não é a hora. Tente conter a ansiedade!

O pai

Como a libido de sua mulher anda em baixa, o melhor é abusar dos carinhos. Esse momento é mágico, mas cheio de dúvidas para o casal. Seja paciente com os mal-estares e com a oscilação de humor. Logo, eles vão passar!

Semana 7

Reprodução

O sexo é decidido na sétima semana de vida do embrião, apesar de ser determinado no momento da fecundação.
Nesse período é comum não engordar ou até perder peso.”

O bebê

O sexo é decidido na sétima semana de vida do embrião, apesar de ser determinado no momento da fecundação. Nessa fase o tamanho do bebê é de cerca de 25 mm, o coração dele bate mais ou menos 150 vezes por minuto e já estão definidos os olhos, nariz, lábios, orelha, órgãos internos e sistema nervoso central. Fofo, né?

A mãe

Psicologicamente, você começa a ter a sensação que vai menstruar a qualquer momento, porque a progesterona - que é o mesmo hormônio da TPM - está alta, para manter a gravidez. Fique tranquila, isso é normal.
Nesse período é comum não engordar ou até perder peso, pois seu apetite está alterado e talvez você não consiga comer em grandes quantidades. Se tiver enjoos é melhor comer - pela manhã - duas bolachas de água e sal, antes de escovar os dentes. Isso ajuda a minimizar o enjoo matinal e a rejeição pelo café da manhã.
Uma dica de estética: a pele pode ficar com algumas manchas, por causa dos hormônios. Não esqueça de usar protetor solar todos os dias e evite pegar sol diretamente entre 10h e 16h.

O pai

Como sua mulher não está muito a fim de comer e sente enjoo facilmente, que tal evitar aqueles programas mais sociais? Pense em convidar amigos ou familiares para reuniões em casa. Como esses incômodos passam logo, não precisa abrir mão dos programas culturais e mesmo das atividades sociais. Apenas fique atento ao estado da sua mulher!

Semana 8

Reprodução

A mulher começa a sentir desejos e não é frescura. Ela precisa compensar alguma deficiência nutricional ou estabilizar alterações hormonais”

O bebê

O embrião está na transição para feto, já tem o aspecto humano e todos os órgãos. O bebê cresceu rápido e já cabe na palma da mão de uma mulher, pois ele tem cerca de 31 mm.

A mãe

Sim, você pode sentir desejos e não pense que é frescura. Desejos são sinal de que alguma deficiência nutricional precisa ser compensada ou de que as alterações hormonais ainda precisam se estabilizar. Normalmente o desejo está ligado aos sabores cítricos ou a coisas muito doces.
As mesmas alterações no seu organismo podem provocar dores de cabeça diárias, mas fraquinhas, que passam com o analgésico prescrito pelo médico.
Atenção no trabalho: geralmente nesse período, por causa desses incômodos, você pode pedir para ser poupada de algumas atividades, caso sua função profissional exija longos períodos em pé, movimentos de agachar e levantar ou subir escadas com frequência. Se puder, aproveite para descansar um pouco a cada hora, tente manter a coluna sempre ereta e não esqueça de informar ao seu médico qualquer desconforto para que ele possa orientá-la.

O pai

Nessa fase, sua mulher pode ter aqueles famosos desejos e você vai ter que providenciar qualquer doce ou salgado que ela queira e que vão suprir deficiências nutricionais ou ajudar a estabilizar algumas alterações hormonais. Mas, calma, se não conseguir comprar jaca mole com "marshmallow", fique sossegado: o bebê não vai nascer com cara disso...
Bom, pelo menos, quando sair de madrugada para satisfazer um desejo dela, conte para todo mundo...Vocês vão dar boas risadas!

Cuidados para estas semanas

Pode

  • Descanse pelo menos 10 minutos a cada 2h de trabalho
  • Cafe - 4 xícaras por dia
  • Dormir bem
  • Nadar
  • Fazer ginástica de baixo impacto (pilates, por exemplo)
  • Fazer drenagem linfática para gestante
  • Viajar de avião

Não pode

  • Controlar consumo de sal e refrigerantes
  • Carregar peso

Dicas úteis

  • Procure uma dermatologista para orientação e prevenção no controle de manchas, celulite e estrias durante a gestação

Gravidez Semana a Semana


Fique informada semana a semana sobre sua gravidez. Nós preparamos para você, mãe, uma série de dicas e curiosidades para ajudá-la nesse período de tantas dúvidas. Veja fotos, vídeos e não seja uma mãe de primeira viagem.

Semanas 1 e 2

Reprodução

Grávida não come por dois nem faz dieta. Você deve fazer seis refeições bem equilibradas por dia, a cada três horas”

O bebê

O ovo ou zigoto se forma com a fecundação do espermatozóide com o óvulo. Ele, conterá 46 cromossomos e 48 mil genes, com os fatores hereditários do pai e da mãe. 24 horas depois da fecundação, o ovo se divide em duas células, que se dividem em quatro e assim por diante...
O zigoto começa a produzir um hormônio especial, que é exclusivo da gravidez - a gonadotrofina coriônica, cuja missão é proteger o feto e colá-lo na parede uterina.

A mãe

Parabéns, você está grávida!
A primeira consulta ao obstetra vai ser longa porque você terá muitas dúvidas e todas devem ser respondidas. Seu médico vai pedir exames laboratoriais de sangue, urina e fezes. No exame médico, ele vai medir a pressão arterial e o pulso, vai verificar seu peso e examinar os seios.
A orientação dietética é essencial: coma mais vezes ao dia, em menor quantidade. Esqueça aquele ditado que grávida come por dois! Coma com qualidade e fragmentado em seis refeições ao dia, a cada três horas. Pare de fumar e peça para seu companheiro não fumar no mesmo ambiente que você estiver.

O pai

Parabéns, você vai ser pai!
A primeira coisa a fazer é escolher o time de futebol para o qual o bebê vai torcer - claro que o mesmo que o seu! Depois, vêm as dúvidas sobre o desenvolvimento do bebê durante a gestação e a preocupação com a saúde da esposa. Nesse momento, toda informação é importante para que os próximos meses sejam preenchidos de muita alegria, saúde e compreensão. Primeira atitude de pai: pare de fumar no ambiente onde estiver a gestante.

Semanas 3 e 4

Reprodução

Cuidado com produtos químicos. Evite usar aqueles com amônia, por exemplo, como as tinturas para cabelo e alguns produtos de limpeza”

O bebê

A placenta começa a se formar. É um órgão inteligente, um filtro que escolhe o que o feto necessita e o que ele rejeita. O bebê está cercado de água, o líquido amniótico, que contém glicose, sais e serve para ajudar as trocas entre o organismo materno e o feto e ainda protege o bebê.

A mãe

Por ora, evite os exercícios físicos de impacto, como: step, musculação, corrida, jogar tênis ou fazer cavalgada. Prefira as caminhadas, alongamentos e ioga. Aproveite o ritmo mais calmo do exercício para ir acolhendo o bebê no seu corpo, na sua vida.
É bom tomar cuidado com produtos químicos como a amônia. Por isso, acostume-se a ler os rótulos das tinturas para cabelo e dos produtos de limpeza.
O médico prescreverá por três a quatro meses o ácido fólico, 5 mg, que ajudará na placentação e formação de tubo neural (o sistema nervoso central do bebê).

O pai

A placenta começa a se formar. É um órgão inteligente, um filtro que escolhe o que o feto necessita e o que ele rejeita. O bebê está cercado de água, o líquido amniótico, que contém glicose, sais e serve para ajudar as trocas entre o organismo materno e o feto e ainda protege o bebê

Cuidados para estas semanas

Pode

  • Tingir o cabelo com produto sem amônia
  • Fazer caminhada, alongamento, ioga
  • Beber muita água
  • Comer em intervalos de 3h

Não pode

  • Fumar - pare imediatamente!
  • Fazer exercícios físicos de alto impacto (correr, step, spinning, artes marciais)
  • Tomar medicamentos sem prescrição medica

Dicas úteis

  • Procure uma nutricionista para manter uma dieta balanceada e adequada para toda gestação e uma personal para indicar as atividades físicas

Os cuidados durante a gravidez






Entende-se por gravidez o período de crescimento e desenvolvimento de um ou mais embriões dentro do organismo feminino que normalmente tem duração de 39 semanas contadas após o último ciclo menstrual. Para que a gravidez ocorra é necessário que o óvulo seja fecundado por um espermatozóide e que estes sejam identificados pelo organismo materno. A gestação é avaliada por um profissional especializado na área, o ginecologista/obstetra. Este profissional para facilitar a avaliação e acompanhamento divide o período gestacional em três trimestres.

O primeiro trimestre é instável, pois o corpo lúteo (estrutura endócrina responsável pela produção da progesterona) mantém a gestação até a segunda semana impedindo a menstruação e se este não se desenvolver normalmente pode ocorrer aborto espontâneo. Neste período, a gestante precisa ingerir alimentos saudáveis e naturais além de polivitamínicos prescritos pelo médico. As atividades físicas devem ser limitadas à caminhadas e natação e a atividade sexual sem exageros (recomenda-se o tipo “papai e mamãe”). Nesse período a gestante também pode sentir algumas sensações desconfortáveis como náuseas, vômitos, enjôos, mal-estar, irritação, sonolência, cólicas e outros.

O segundo trimestre é um período mais estável que o anterior, o organismo já se altera visivelmente, as mamas já se preparam para a produção de leite, a barriga começa a aparecer. A gestante nesse período pode ter acne pelo aumento da oleosidade na pele, varizes quando o sangue se acumula nas pernas, câimbras por causa da pressão provocada pelo útero, mictúria provocada pela pressão da bexiga e outras. Nesse período pode haver riscos de descolamento da placenta e placenta prévia que são detectados através do sangramento que se manifesta de forma bem clara e rala até o sangramento do tipo menstruação.

No terceiro trimestre a gestante deve fazer um número maior de consultas médicas, pois nesse período é possível detectar a pré-eclâmpsia, síndrome que faz a gestante reter líquidos, ter sua pressão alterada e elevada e eliminar proteínas pela urina. A barriga já atinge um tamanho desconfortável para a gestante podendo ou não dificultar sua locomoção, provocar insônia, falta de ar, hemorróidas e outras. O útero também passa a se contrair na intenção de preparar a gestante para o parto.

É recomendável que a gestante em toda a gravidez controle sua alimentação. Apesar de aumentar a fome e a ingestão de alimentos, a gestante deve controlar e dar preferência para alimentos naturais, evitando sal, alimentos gordurosos, frituras, massas, refrigerantes.

Mãe



Ser mãe não é apenas carregar no ventre, por alguns meses, um óvulo fecundado!
Ser mãe não é somente passar pela dor cruciante de trazer um filho ao mundo!
Ser mãe não é simplesmente dar o alimento, vestir e cuidar do físico e dos estudos!
Ser mãe não é embonecar uma criança, fazendo dela um enfeite, um “bibelô”!
Ser mãe é muito mais do que isso!
Ser mãe é dividir o que se tem, sempre priorizando os filhos;
Ser mãe é cuidar, amar, amar e amar!
Ser mãe é depender da graça de Deus dia após dia, hora após hora, minuto após minuto;
Ser mãe é estar na dependência total do Deus Maravilhoso que não falta nunca, que sempre nos protege e nos ampara;
Ser mãe é se sentir abençoada por ter recebido do Senhor o privilégio de tomar conta de um pequeno ser;
Ser mãe é ver o seu amor imperfeito comparado ao perfeito amor do grande Deus.
Ser mãe é envelhecer sorrindo;
Mesmo na solidão do ninho que ficou vazio;
Porque sabe que cumpriu a sua parte;
E o que faltou, o Pai celeste completará;
Pois dEle vem a promessa: “Não temas, pois Eu estou contigo em todo momento”.
Ser mãe é ser feliz somente por ser mãe!

SER MÃE



A missão de ser mãe quase sempre começa com alguns meses de muito enjôo, seguido por anseios incontroláveis por comidas estranhas, aumento de peso, dores na coluna, o aprimoramento da arte de arrumar travesseiros preenchendo espaços entre o volume da barriga e o resto da cama.

Ser mãe é não esquecer a emoção do primeiro movimento do bebezinho dentro da barriga.

O instante maravilhoso em que ele se materializou ante os seus olhos, a boquinha sugando o leite, com vontade, e o primeiro sorriso de reconhecimento.

Ser mãe é ficar noites sem dormir, é sofrer com as cólicas do bebê e se angustiar com os choros inexplicáveis: será dor de ouvido, fralda molhada, fome, desejo de colo?

É a inquietação com os resfriados, pânico com a ameaça de pneumonia, coração partido com a tristeza causada pela morte do bichinho de estimação do pequerrucho.

Ser mãe é ajudar o filho a largar a chupeta e a mamadeira. É levá-lo para a escola e segurar suas mãos na hora da vacina.

Ser mãe é se deslumbrar em ver o filho se revelando em suas características únicas, é observar suas descobertas.

Sentir sua mãozinha procurando a proteção da sua, o corpinho se aconchegando debaixo dos cobertores.

É assistir aos avanços, sorrir com as vitórias e ampará-lo nas pequenas derrotas. É ouvir as confidências.

Ser mãe é ler sobre uma tragédia no jornal e se perguntar: E se tivesse sido meu filho?

E ante fotos de crianças famintas, se perguntar se pode haver dor maior do que ver um filho morrer de fome.

Ser mãe é descobrir que se pode amar ainda mais um homem ao vê-lo passar talco, cuidadosamente, no bebê ou ao observá-lo sentado no chão, brincando com o filho.

É se apaixonar de novo pelo marido, mas por razões que antes de ser mãe consideraria muito pouco românticas.

É sentir-se invadir de felicidade ante o milagre que é uma criança dando seus primeiros passos, conseguindo expressar toscamente em palavras seus sentimentos, juntando as letras numa frase.

Ser mãe é se inundar de alegria ao ouvir uma gargalhadinha gostosa, ao ver o filho acertando a bola no gol ou mergulhando corajosamente do trampolim mais alto.

Ser mãe é descobrir que, por mais sofisticada que se possa ser, por mais elegante, um grito aflito de mamãe a faz derrubar o suflê ou o cristal mais fino, sem a menor hesitação.

Ser mãe é descobrir que sua vida tem menos valor depois que chega o bebê.

Que se deseja sacrificar a vida para poupar a do filho, mas ao mesmo tempo deseja viver mais º não para realizar os seus sonhos, mas para ver a criança realizar os dela.

É ouvir o filho falar da primeira namorada, da primeira decepção e quase morrer de apreensão na primeira vez que ele se aventurar ao volante de um carro.

É ficar acordada de noite, imaginando mil coisas, até ouvir o barulho da chave na fechadura da porta e os passos do jovem, ecoando portas adentro do lar.

Finalmente, é se inundar de gratidão por tudo que se recebe e se aprende com o filho, pelo crescimento que ele proporciona, pela alegria profunda que ele dá.

Ser mãe é aguardar o momento de ser avó, para renovar as etapas da emoção, numa dimensão diferente de doçura e entendimento.

É estreitar nos braços o filho do filho e descobrir no rostinho minúsculo, os traços maravilhosos do bem mais precioso que lhe foi confiado ao coração: um Espírito imortal vestido nas carnes de seu filho.

* * *

A maternidade é uma dádiva. Ajudar um pequenino a desenvolver-se e a descobrir-se, tornando-se um adulto digno, é responsabilidade que Deus confere ao coração da mulher que se transforma em mãe.

E toda mulher que se permite ser mãe, da sua ou da carne alheia, descobre que o filho que depende do seu amor e da segurança que ela transmite, é o melhor presente que Deus lhe deu.


 

O QUE SENTEM OS BEBÊS


 

Algumas pessoas se mostram surpresas ao saber que as crianças, antes de nascer, conseguem apreender os pensamentos e sentimentos da mãe.
O que se passou durante o período da sua gestação, em âmbito familiar, conjugal, de alguma forma elas percebem e traduzem ao nascer.
O regente Boris Brott, da Orquestra Filarmônica de Ontário, Canadá, conta que, por vezes, ficava perplexo com a facilidade com que dirigia certos trechos musicais, antes de os ter estudado.
Dirigia uma partitura pela primeira vez e, de repente, as notas para violoncelo surgiam na sua mente, como se ele já conhecesse a seqüência da peça, mesmo antes de ter virado a página.
Ele falou no assunto para sua mãe, que é violoncelista profissional. A questão era intrigante pois era sempre a partitura para violoncelo que ele parecia conhecer antecipadamente.
Quando disse à mãe quais eram as obras, o mistério rapidamente se desvendou. Ela tinha ensaiado todas aquelas partituras, para um recital, enquanto estava grávida.
O Dr. Gerhard Rottmann, da Universidade de Salzburgo, na Áustria, realizou um estudo, que envolveu quase 150 mulheres, da gravidez até o parto.
Concluiu que a atitude da mãe tinha uma influência decisiva sobre a evolução da criança. Por isso, dividiu as mulheres em quatro categorias emocionais.
1ª - mães ideais - as que desejavam a criança, tanto consciente como inconscientemente. Tinham uma gravidez fácil, um parto sem complicações e uma criança saudável, física e emocionalmente.
2ª categoria - mães ansiosas - as que tinham atitudes negativas para com o bebê. Apresentavam os mais complicados problemas médicos durante a gravidez. Davam à luz elevado número de crianças prematuras, de baixo peso e emocionalmente perturbadas.
3ª categoria - mães ambivalentes - as que aparentavam felicidade, mas só aparentavam. Depois do parto, um número invulgar de crianças apresentava problemas de comportamento e perturbações gastrintestinais.
4ª categoria - mães indiferentes - tinham várias razões para não desejarem ter filhos: uma carreira, problemas financeiros e não estavam preparadas para o papel de mães.
Mesmo assim, em seu subconsciente, elas desejavam a gravidez.
Os filhos receberam ambas as mensagens, o que parecia lhes causar confusão. Depois do parto, muitas dessas crianças revelaram-se apáticas e letárgicas.
Os pais, por sua vez, não deixam de influenciar, igualmente, os bebês. Algumas pesquisas demonstraram que a criança pode identificar a voz do pai, mesmo dentro do ventre materno.
Depois de nascer, ela reage a essa voz quando a ouve. Pode parar de chorar, ao ouvi-la. É como se transmitisse ao bebê um sentimento de segurança o som familiar e tranqüilizador da voz paterna.
Todas essas descobertas, com certeza, podem revolucionar a atitude dos pais com relação aos filhos.
Mães e pais descobrem que têm uma oportunidade ímpar de influenciar os filhos, antes deles nascerem. Também de criar laços afetivos que condicionarão a sua felicidade e o seu bem-estar, não só no seio materno, mas durante toda a vida.
*   *   *
Os bebês reagem bem às batidas cardíacas da mãe.
Um hospital fez ouvir gravação das batidas cardíacas de uma mãe num berçário cheio de bebês recém-nascidos. Nos dias em que se ouvia a gravação, os bebês se comportavam de modo diferente.
Respiravam melhor, comiam mais, dormiam mais e adoeciam menos vezes.
O feto pode ouvir distintamente, a partir do sexto mês de vida intra-uterina. Também é sensível à música, podendo se descontrair com um clássico, e ter uma reação oposta com música rock.
Pense nisso!

Meu amor maior






Meu bebê Ainda que teus ouvidos não escutem minhas palavras, Quero dizer-te que te amo. Ainda que teus olhos não vejam meu olhar, Eu te completo com ternura. Ainda que tua pele não sinta minhas mãos, Eu te acaricio com carinho, Porque sei que teu coração acolhe as mensagens do meu. Que vivas feliz esta primeira etapa de tua vida. Enquanto espero o dia em que decidas nascer. Eu estou te esperando com o meu primeiro abraço! Tua mãe...  



quinta-feira, 16 de junho de 2011

Sintomas Gravidez ou Não ??

achei essas informações e achei ótimas, pois indicam quando pode se sentir, caso não seja gravidez, quais as possíveis causas.
Relembrando mais uma vez, que sinceramente não gosto muito de me basear em sintomas, pois a ansiedade e as alterações hormonais podem causar qualquer dos sintomas possíveis. E nosso psicológico muitas vezes produz sintomas, então tenha um certo cuidado pra não se apegar demais aos sintomas. Se vc achar que está grávida após se identificar com os sintomas abaixo procure seu médico e faça um beta quantitativo que é a forma mais segura de confirmar o que realmente é.
Bom, mas pode ajudar, então vms lá:
Sintoma da Gravidez
Quando aparece
Outra causa possível
• Atraso da menstruação
Durante toda a gravidez
Ganho ou perda de peso excessivo, fadiga, problemas hormonais, tensão, stress.
• Náusea e Vômitos
2 - 8 semanas após a fecundação
Envenenamento alimentício, stress e uma variedade de desordens estomacais.
• Seios doloridos e inchados
1 - 2 semanas após a fecundação
Desordem hormonal, pílulas anticoncepcionais, proximidade da menstruação.
• Cansaço e sonolência
1 - 6 semanas após a fecundação
Stress, fadiga, depressão e sobre carregamento físico ou mental. Poderia também ser um resfriado ou gripe.
• Dor nas costas
Durante toda a gravidez
Uma variedade de problemas de coluna ou sobre carregamento físico ou mental.
• Dores de cabeça
Às vezes, durante toda a gravidez
Desidratação, vício de cafeína, problemas de visão.
• Desejos por certos alimentos
Durante toda a gravidez
Dieta pobre em vitaminas, stress, depressão e chegada da menstruação.
• Escurecimento dos mamilos
Primeiros sinais entre a 1 - 14 semanas de gestação e então dura a gravidez inteira
Desordem hormonal.
• Movimento fetal
16 - 22 semanas após a fecundação
Gases, movimentos gastrointestinais.
• Vontade freqüente de urinar
6 - 8 semanas após a fecundação
Diabetes, infecção urinária, excesso de alimentos diuréticos como, muita fruta.
• Batimentos cardíaco fetal
10 - 22 semanas após a fecundação e então, durante a gravidez toda. (só em uma consulta médica)
Nenhuma.
fonte: http://www.e-familynet.com/pages.php/PT/000/sintomas.htm
Atraso da menstruação:
Quando aparece: é o primeiro sintoma de uma possível gravidez
Outras causas possíveis: Ganho ou perda de peso excessivo, fadiga, problemas hormonais, stress, tensão.
Náuseas e Vômitos:
Quando aparece: 2 a 8 semanas após a fecundação
Outras causas possíveis: intoxicação alimentar, tensão, infecção, doença da vesícula biliar e outras doenças.
Seios doloridos e inchados:
Quando aparece: 1 a 2 semanas após a fecundação
Outras possíveis causas: Desordem hormonal, pílulas anticoncepcionais, proximidade da menstruação.
Cansaço e sonolência:
Quando aparece: 1 a 6 semanas após a fecundação
Outras possíveis causas: Stress, fadiga, depressão e sobre carregamento físico ou mental. Poderia também ser um resfriado ou gripe.
Escurecimento dos mamilos:
Quando aparece: É também um dos primeiros sinais e surge entre a 1ª e a 14ª semana de gestação e dura até o final da gravidez
Outras possíveis causas: Desordem hormonal
Movimento Fetal:
Quando aparece: Entre a 16ª e a 22ª semana após a fecundação
Outras possíveis causas: Gases e movimentos gastrointestinais
Vontade freqüente de urinar:
Quando aparece: Entre a 6ª e a 8ª semana após a fecundação
Outras possíveis causas: Diabetes, infecção urinária, excesso de alimentos diuréticos como, muita fruta
Pequeno sangramento:
Quando aparece: Pequenas gotas de sangue de cor rosa ou marrom, às vezes acompanhadas por cólicas estomacais. Causado pela implantação do óvulo no revestimento endometrial. Geralmente ocorre cerca de uma semana depois da ovulação.
Outras possíveis causas: início da menstruação, sangramento comum entre os ciclos de ingestão de pílulas anticoncepcionais, ovulação, escape endometrial.